Brasil Espírito Santo

O que fazer em Vitória e Guarapari – Roteiro de 6 dias no Espírito Santo

Vai viajar pras terras capixabas? Esse post tem o nosso roteiro completo e muitas dicas sobre o que fazer em Vitória e Guarapari durante 6 dias pelo Espírito Santo.

Praia das Castanheiras em Guarapari ES

Quem nos segue no Instagram (@doisviajando), acompanhou nossa viagem para o Espírito Santo em janeiro/2020. Fomos de carro, partindo do Rio de Janeiro, pois fomos um grupo de 4 pessoas e pelas contas valia mais a pena do que ir de avião. Conhecemos as três principais cidades capixabas: Guarapari, Vitória e Vila Velha, e aqui vamos deixar tudo sobre o que fazer em Vitória e Guarapari.

Como chegar

Existem várias formas de chegar em Vitória e Guarapari, as principais são:

De avião

A opção mais rápida, você pode voar direto para o aeroporto de Vitória (VIX) a partir de sua cidade, e consegue buscar por passagens baratas aqui.

De carro

Essa é uma ótima opção para grupos maiores e também para quem quer economizar no aluguel de carro por lá. Para quem vai das cidades do Sudeste, é o seguinte:

Saindo do Rio de Janeiro são aproximadamente 525km até Vitória pela BR-101, podendo entrar antes em Guarapari como fizemos, e depois pra ir pra Vitória pegar a “Rodosol” (Rodovia do Sol).

Saindo de Belo Horizonte são cerca de 523km até Vitória pela BR-262.

De ônibus

Uma opção econômica pra quem não quer ou não tem como ir de carro. Pesquise suas passagens de ônibus na Buser, uma empresa com preços super baratos!

Onde se hospedar

Onde ficar em Guarapari

O melhor lugar para se hospedar em Guarapari é no centro, perto da orla principal, use de referência para pesquisar a Praia das Castanheiras. Ficamos num Airbnb pertinho dela, a 5 minutos a pé e é a melhor localização essa região.

Caso prefira hotel ou pousada, tem muitos por lá também, dá uma pesquisada no Booking pra conferir os preços.

Onde ficar em Vitória

O melhor lugar para se hospedar em Vitória é perto da Praia do Canto, é uma região central e mais badalada da cidade. Nós não ficamos lá, ficamos num Airbnb na Enseada do Suá, que é bem pertinho da Praia do Canto, porém precisa de carro para qualquer coisa, então fica a dica.

Caso prefira hotel ou pousada, tem muitos por lá também, dá uma pesquisada no Booking pra conferir os preços.

Vale a pena alugar carro?

SIM! Vale a pena alugar carro em Vitória e Guarapari. Se você não for com seu próprio carro e for de avião ou ônibus, alugue um carro sem dúvida! Não compensa ficar dependendo de Uber pra lá e pra cá ou depender de transporte público (muitos lugares, principalmente praias mais afastadas não tem como chegar de transporte público, e perde-se muito tempo precioso da viagem esperando por transporte).

Faça uma cotação de um aluguel de carro por lá e se programe pra colocar isso no orçamento da sua viagem, te garanto que vai valer muito a pena. 🙂

Roteiro completo

Ficamos 6 dias no Espírito Santo, separando 3 para Guarapari e 3 para Vitória e Vila Velha, e aqui vou deixar o nosso roteiro completo.

Dia 1 – Guarapari

Chegamos em Guarapari por volta das 11h da manhã (saímos do Rio 04h da manhã), e fomos direto para o nosso Airbnb no centro de Guarapari. Foi o tempo de tomarmos um banho, pedir uma comida e tirar um cochilo de 30 min enquanto a comida chegava, para sairmos pra passear.

A região que ficamos era ótima e dava pra fazer e conhecer muita coisa a pé, bem central. Então saímos a pé no primeiro dia para conhecer as redondezas e logo os principais pontos turísticos e praias perto de nós.

Fomos em direção a orla, que tem 4 praias seguidas uma da outra, e aí começamos em uma ponta na Praia das Virtudes, que tem uma faixa de areia pequena e o mar é bem calmo (como todas as praias).

Praia das Virtudes em Guarapari ES

Continuando o calçadão, seguindo sempre na orla, chegamos na Praia dos Namorados, bem pequenininha também.

Logo em seguida chegamos na Praia das Castanheiras, a mais famosa e central de Guarapari, é a “praia do centro”, que tem uma orla mais extensa e animada, com bares, restaurantes e comércio do outro lado da calçada e sempre bem movimentada com bastante gente andando pra lá e pra cá.

Praia das Castanheiras em Guarapari ES

Decidimos ficar nela pra curtir um pouco a água antes de seguir andando para as outras praias. Mas ficamos bem pouco tempo, pois tivemos a surpresa da água suuuuper gelada que o Espírito Santo tem só quando entramos na água na Praia das Castanheiras kkkk. A gente não imaginava que era tão gelada assim, mais que no RJ!

Então decidimos recolher tudo e continuar andando para a próxima e última praia. Só continuar seguindo sempre pela orla e chegamos na Praia Areia Preta.

Ela também é um pouco maior e também com ondas calmas, e tem esse nome por causa das propriedades medicinais que existem na areia, que podem prevenir doenças incluindo o câncer. Nessa praia o banho de mar não é o atrativo, e sim o banho de areia rsrsrs.

Praia Areia Preta em Guarapari ES

Depois de conhecer a quatro praias principais da orla do centro de Guarapari, voltamos para o Airbnb para descansar e tomar um banho para sair à noite e conhecer a noite de Guarapari.

À noite fomos para a Praia do Morro, uma das orlas mais movimentadas de Guarapari, com muito comércio, lojas, bares, restaurantes, lanchonetes, feirinhas, food truck, que ficam até tarde da noite nessa época do ano de alta temporada. É legal ir pra lá sem muito rumo e sem pressa, perambular de um lado pro outro curtindo a brisa da praia e vendo as modas. Paramos pra comer numa lanchonete da orla, a Hamburgão, e gostamos bastante.

Dia 2 – Guarapari

Primeiro dia inteiro em Guarapa, tiramos para curtir uma praia só, com calma e relaxar nela. Escolhemos a Praia da Bacutia. Ela fica um pouco mais afastada, uns 15 minutos do centro de carro (olha aí como é bom ter carro por lá), e dá pra chegar de boa colocando no Waze “Praia da Bacutia”. Vai te jogar na rua com o principal acesso à praia, que tem várias vagas na rua e também estacionamento privativos. Paramos em um deles, pois não encontramos vaga na rua e foi R$20 a diária.

Praia da Bacutia em Guarapari ES

A praia não tem infraestrutura de quiosques, mas tem muitos ambulantes e barraquinhas que ficam passando vendendo de tudo, churrasquinho, milho, açaí, sorvete, salgados, bebidas, etc.

Praia da Bacutia em Guarapari ES

Essa noite resolvemos ir jantar no centro mesmo, e saímos a pé para a Praia das Castanheiras, pois lá tem o famoso Beco da Fome, que é realmente um beco, uma ruazinha, com vários restaurantes e bares que bombam à noite. Mas acabamos nem jantando por lá, e sim no restaurante Informal em frente à praia mesmo. Comida boa e preços ok.

Dia 3 –  Guarapari

O nosso terceiro e último dia em Guarapari foi dia de passeio de barco! Em Guarapari tem muitas empresas que oferecem 2 passeios tradicionais e mais comuns, que são passeios mais panorâmicos passando por várias praias e alguns minutos para banho.

Achamos que fazer um desses passeios seria besteira pois passar por praias daria para conhecer de carro também se a gente quisesse. Então, optamos por fazer um passeio que não se vê vendendo por lá, e sim tem que ir atrás, que é o passeio para o Arquipélago das Três Ilhas.

Arquipélago Três Ilhas em Guarapari ES

Fizemos o passeio para as Três Ilhas com a lancha Barracuda Guarapari (Ulisses), e custou R$100 por pessoa. Já os outros passeios tradicionais pelas praias indicamos a Escuna Guarapari (Raul).

Se quiser saber mais detalhes sobre o passeio para as Três Ilhas em Guarapari, confira nosso post completo em breve!

Arquipélago Três Ilhas em Guarapari ES

A última noite foi de novo na orla da Praia do Morro, e dessa vez paramos na Kumilão Pizzaria pra jantar pizza. Pizza boa e preço ok.

Dia 4 – Vitória

Antes de partir pra Vitória, aproveitamos a manhã mais um pouquinho em Guarapari, na Praia das Castanheiras, a mais próxima do nosso Airbnb.

Fizemos as malas, arrumamos o Airbnb, e partimos pra Vitória. Aproximadamente 1h de distância de Guarapari pela Rodovia do Sol (Rodosol).

Chegando em Vitória também fomos direto para o nosso Airbnb que ficava no bairro conhecido como Enseada do Suá, não é o centro mas é uma região central, e precisa mais de carro para se locomover.

Começamos os passeios em Vitória visitando o Projeto Tamar. O ingresso custa R$16 inteira e R$8 meia (preços de janeiro/20), e fica aberto todos os dias de 08:30h ás 17h.

Projeto Tamar em Vitória ES

Depois do Projeto Tamar, fomos para o Shopping Vitória que fica do lado, estava muito calor e insuportável de ficar andando na rua.

A noite foi hora de conhecer o famoso Triângulo das Bermudas, que é uma região/rua em Vitória cheia de bares, restaurantes e baladas, pra quem gosta de curtir, beber, petiscar, música ao vivo, é o lugar certo. Paramos no restaurante Abertura, que tinha música ao vivo, e pedimos tábuas e petiscos. Era uma sexta-feira e estava tudo bem cheio, acredito que em fim de semana seja quando tudo bomba mais por lá mesmo, não sei como é em dia de semana normal e fora de temporada.

Triângulo das Bermudas em Vitória ES

Dia 5 – Vitória/Vila Velha

Segundo dia em Vitória, saímos de carro meio sem rumo, e fomos em direção ao centro histórico. Paramos na Catedral de Vitória para conhecer.

Catedral de Vitória ES

Depois seguimos para Vila Velha para visitar a Fábrica e Loja da Garoto, pois ficamos com medo de domingo não abrir para visitação e preferimos ir logo.

Fábrica e Loja da Garoto em Vila Velha ES

Dica importante sobre a visitação à Fábrica da Garoto: pra visitar a fábrica, somente com agendamento antecipado pelo site deles e conforme disponibilidade. Infelizmente demos azar, e deixei pra cima da hora e não tinha mais vaga para os dias que estivemos lá, então antecipe-se e agenda sua visita logo que souber os dias que irá.

Nós conseguimos visitar o Museu da Garoto (que é reservado na hora lá mesmo) e a loja.

Valores das visitações na Garoto:
Visita à Fábrica: R$30 por pessoa; visita ao museu: R$10 por pessoa. Ambos paga-se na hora.

Fábrica e Loja da Garoto em Vila Velha ES

Depois decidimos aproveitar que já estávamos em Vila Velha e ir logo conhecer o ponto turístico mais visitado do Espírito Santo: o Convento da Penha!

Convento da Penha em Vila Velha ES

Dá pra estacionar o carro pelas ruas próximas à entrada do convento, e aí você pode subir/descer a pé (aproximadamente 2km cada trajeto) ou utilizar a van fornecida pelo convento, que custa apenas R$5,00 por pessoa subida e descida.

Lá de cima do convento tem muitas vistas lindas incluindo a Baía de Vitória, as cidades de Vitória e Vila Velha, e a Terceira Ponte (que liga as duas cidades). Vale muito a pena visitar o Convento da Penha, se você não for religioso.

Convento da Penha em Vila Velha ES

Dia 6 – Vitória/Vila Velha

Último dia no Espírito Santo, e estava faltando conhecer praias desse lado do estado. Muita gente diz que as melhores praias de Vitória ficam em Vila Velha rsrsrs. Nos contaram sobre uma praia que seria maravilhosa e um paraíso escondido, a Praia Secreta, então resolvemos passar o último dia nela curtindo e relaxando.

É bem fácil de chegar, apesar de não ter placas com o nome da praia, é só colocar no Waze “Praia Secreta” que dá certinho, é perto do Farol de Santa Luzia, mesmo caminho. Na verdade não dá em praia nenhuma e sim, numa portinha no meio de um grande muro, que é o acesso escondido para a praia.

Realmente é um pedacinho de paraíso que do nada aparece quando você passa pelo muro. Porém, acho que a ideia de que ela é secreta já não existe há muito tempo.

Praia Secreta em Vila Velha ES

Por sorte, chegamos cedo e estava de boa pra estacionar perto da entrada e pra achar um lugar bom na areia, mas conforme foi ficando mais tarde, a praia se tornou um formigueiro! Claro que temos que considerar que era um domingo de janeiro, alta temporada, verão, e em outras épocas não deve ficar assim. Mas fica a dica pra você que tá planejando ir saber como é e como fica.

A praia não tem quiosques, mas tem muitos ambulantes que ficam passando vendendo bebidas, lanches e petiscos.

Depois da praia, aproveitamos que era do lado (mesmo! pra ir a pé saindo da praia) e fomos visitar o Farol de Santa Luzia.

Farol de Santa Luzia em Vila Velha ES

O lugar é bem bonito, tem uma vista linda e a entrada é gratuita, e tem um limite de tempo de visitação de 20 minutos para ter organização e controle do fluxo de pessoas, para não ficar lotado. Achei isso bem legal!

Terminamos os passeios, voltamos para o Airbnb para arrumar as malas e o apartamento e partir pro RJ de volta.

Se você tiver mais tempo no ES, considere incluir também a cidade de Anchieta. Veja o que fazer por lá!

Espero que tenha gostado de nosso roteiro e que te ajude a organizar sua viagem para o Espírito Santo! 🙂


COMECE A PLANEJAR A SUA PRÓXIMA VIAGEM AQUI !

Aqui tem tudo o que você precisa para começar a se planejar! Se você usar os links aqui do blog, você nos ajuda a continuar nosso trabalho por aqui e não paga nada a mais por isso! 😊

ㅤㅤㅤHospedagem: Booking e AirBnb
ㅤㅤㅤPassagens Aéreas: Skyscanner
ㅤㅤㅤSeguro Viagem: Seguros Promo (5% de desconto)
ㅤㅤㅤChip de Celular: YesBrasil (Cupom DOISVIAJANDO = 10% desconto)
ㅤㅤㅤAluguel de carros: RentCars
ㅤㅤㅤEnviar dinheiro para o exterior: TransferWise
ㅤㅤㅤPasseios e Ingressos: TourOn e Get Your Guide

Deixe um comentário

avatar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Subscribe  
Notify of